Conheça as mãos de fada do Barcelos Gastronomia

Inajara é a nossa doceira há 12 anos, e os doces maravilhosos que comemos é o resultado do seu amor pela profissão

 

O sabor inesquecível da ilha de doces do nosso restaurante na Av. Bastian tem uma grande responsável. Na verdade, duas: as mãos mágicas de Inajara Avila de Souza. Nossa doceira há 12 anos, ela encanta a todos por sua simpatia, profissionalismo e por um toque especial ao fazer as sobremesas do Barcelos Gastronomia.

Seu interesse pela cozinha a levou para um curso de gastronomia do Senac. Após concluído, percebeu que a sua verdadeira paixão eram os doces, era com o que realmente gostaria de trabalhar. O curso de confeitaria a ajudou a dar os primeiros passos para ter todo o conhecimento e talento que tem hoje. Além disso, quando tem amor envolvido, o resultado sem dúvida é ainda mais encantador.

“Trabalho por amor à profissão, sou apaixonada pelo meu trabalho”, afirma. A sua rotina na cozinha do restaurante é corrida e somente com muito conhecimento para dar conta. Inajara chega ao Barcelos Gastronomia às 8h da manhã e tem até às 10h30min para disponibilizar os doces na ilha. Dentro desse período, os doces precisam refrigerar por pelo menos uma hora. “É bastante exaustivo, mas quando vem um cliente e te diz com sorriso largo ‘você tem mãos de fada’, você simplesmente esquece o quão cansativo é e trabalha com ainda mais prazer”, afirma. Inajara também trabalha nos eventos que o Barcelos Gastronomia realiza em seus salões.

Por ficar nos bastidores do restaurante, o contato com o cliente não é constante, mas quando acontece, são momentos que valem a pena. “Normalmente é quando vou me servir para almoçar, então aproveito para dar uma olhada de como ficou a sobremesa montada. Daí já me perguntaram se era eu quem fazia os doces e recebi elogios. Também já teve cliente que pediu pra mandar elogios pra doceira”, comenta com orgulho pelo seu trabalho. Quanto às poucas críticas ouvidas ao longo de todos esses anos, Inajara recebe com prazer e encara a todas como um grande aprendizado.

Com apenas 43 anos, Inajara não se preocupa tanto com o futuro a longo prazo. Com muita disposição, quer somente trabalhar fazendo o que gosta e não parar por sequer um segundo. “Sou muito ativa, eu não sei ficar parada”. A prova disso é que ela trabalha por conta própria ao sair do restaurante. Em casa, faz empadas para vender. “Comecei devagar e hoje já tenho três clientes fixos. E quero crescer mais. É uma renda extra que ajuda muito”, afirma. As mesmas empadas fazem muito sucesso no Barcelos Gastronomia.

A prova de que Inajara trabalha demais está em sua filhinha de 9 anos. “Ela costuma dizer ‘mãe, você trabalha demais! Quando eu crescer quero outra profissão que não precisa trabalhar tanto, mas que eu ganhe muito dinheiro!’”, brinca.

Inajara é sem dúvida um exemplo de que o talento deve andar junto do profissionalismo e da força de vontade. E quando se trabalha com prazer, o resultado é ainda melhor. Nosso paladar que o diga!

1Comentário
  • Ana Cristina
    Posted at 20:50h, 18 fevereiro Responder

    Não é por ser minha irmã, mas realmente ela tem mãos de fada de verdade! Além de muito saborosos,a decoração dos doces são maravilhosos ! Parabéns mana …muito sucesso a vc! Bjs

Publique uma resposta para Ana Cristina Cancelar Resposta